quinta-feira, 26 de fevereiro de 2009

Deuses


Escrito, com tesão, para Apogeu


Arrancou-me os mais fortes e altos gemidos
Tirou-me da censura e pudor
Prendeu-me nos teus largos braços
Enquanto abaixo de ti
O calor, o tesão e a fata de razão
Perdiam-se rapidamente

Fez de mim, sua escrava
Desvendou cada parte do meu corpo
Tomou-me o mel
Que jazia dentre minhas ancas

Jorrou de ti, o esperado
Sentimos e lambuzamos
A força bruta que conduzia nossos movimentos

Parecíamos dançar
Em ritmo acelerado e frenético
Através de posições indecifráveis

Éramos
Zeus e Afrodite
Deliciando-se no Monte Olimpo


Volúpia

2 comentários:

EU SOU NEGUINHA disse...

Hummm......
Passadinha pra visitar este lindo casal e deixar beijocas
Beijos em vcs.
Neguinha

Helô Müller disse...

Lindo Blog !! Parabéns e sucesso sempre !!